* mais sobre nós

* CONDEIXAbrincar

<< o grupo CONDEIXAbrincar sente-se em acção :) >>

* Pensamento da Semana

A vida não é uma pergunta a ser respondida. É um mistério a ser vivido. Buda

* posts recentes

* ...

* Dia Mundial da Criança!

* Actividade com APPACDM de...

* Entrevista realizada a Lu...

* Entrevista Coordenadora e...

* Entrevista Vereadora da C...

* Entrevista Casa da Crianç...

* Entrevista Bairro do Cicl...

* Actividade no jardim-de-I...

* Querem conhecer os jardin...

* Fotos Jardim-de-Infância ...

* Venham conhecer os Parque...

* Fotos da Casa da Criança

* Mais alguns jogos tradici...

* Museu com BRINQUEDOS TRAD...

* Datas a assinalar - Dia M...

* Afirmação do Ministro da ...

* Datas a assinalar - Dia I...

* FELIZ PÁSCOA

* Avalação da disciplina - ...

* Novas actividades

* DIA DA MULHER

* Entrevistas já realizadas

* Actividades realizadas no...

* No "mundo" das entrevista...

* Plano mensal de actividad...

* Chegou o Carnaval!

* Os Direitos da Criança

* A História da nossa vila

* Divulgação de entrevista....

* Tradições em Condeixa!

* Declaração Universal dos ...

* Fotos da nossa vila!

* Tradições da nossa vila.....

* Citações pertinentes

* Notas de AP

* Anteprojecto

* Um diálogo que nunca exis...

* Plano Anual de Acvtividad...

* Condeixa-a-Nova

* BI do grupo:

* Filme do CCC!

* Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

* arquivos

* Junho 2008

* Maio 2008

* Abril 2008

* Março 2008

* Fevereiro 2008

* Janeiro 2008

* Dezembro 2007

* Novembro 2007

* pesquisar

 

* subscrever feeds

Sexta-feira, 6 de Junho de 2008

...

Olá!!!

 

Hoje é o nosso último dia de aulas, terminado, assim, o nosso blogue!!!

Gostamos muito deste projecto que contribuiu bastante para o nosso desenvolvimento pessoal.

 

 

 

Beijinhos de todo o grupo:

As Condeixabrincar.

sintimo-nos: Realizadas
publicado por condeixabrincar às 09:55

link do post | comentar | favorito
Domingo, 1 de Junho de 2008

Dia Mundial da Criança!

sintimo-nos: Orgulhosas das nossas Crianças
publicado por condeixabrincar às 20:11

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sábado, 10 de Maio de 2008

Actividade com APPACDM de Montemor-o-Velho

sintimo-nos: bastante orgulhosas...
publicado por condeixabrincar às 15:25

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 9 de Maio de 2008

Entrevista realizada a Lurdes Breda, a escritora de livros infantis:

            Algumas perguntas realizadas pelo grupo, antes da actividade da APPACDM -Unidade Funcional de Montemor-o-Velho -, à escritora Lurdes Breda:

 

Como nasceu este gosto de escrever?

O gosto de ler e escrever nasceu da necessidade de fazer algo (risos).

 

Porque esta ligação à escola da APPACDM?

É uma ligação puramente afectiva e, também, colaboro na causa defendida pelo grupo. É um trabalho lúdico com o lado humano que mostra pessoas deficientes, mas que são completamente autónomas (como vocês podem ver).

Para além de sensibilizarem o outro, este grupo tem como objectivo socializar os meninos da APPACDM e torná-los mais autónomos.

Quando começámos foi bastante complicado, mas, posteriormente, eles foram desenvolvendo as suas capacidades e aptidões possibilitando, hoje, esta actuação.

 

Como se vai proceder a actuação?

Vou ler o livro, contar a história por palavras minhas para se tornar mais atractivo, interagindo com as crianças (fazendo perguntas para perceber se eles estão a entender e a gostar). Para tornar o ambiente ainda mais divertido, os meninos da APPCDM vão representar a história, encarando determinadas personagens e vestidos a rigor. E, ainda, vão participar com umas músicas tocadas por eles.

Em relação ao meu livro, é acessível, mas um pouquinho formal, pois as crianças têm de aprender novas palavras e sons.

 

Durante a entrevista a escritora informou-nos, também, de algumas obras da sua autoria:

 

*      “O misterioso falcão de jalne”

*      “A outra face do luar” (contos ilustrados, mais complexo)

*      “Contos com vinho madeira” (de uma colectânea)

*      “Asas de vento e sal” (ilustrado pelos meninos da APPACDM)

*      “Folhas ao vento”

*      “Zuleida, a princesa moura” (claro…)

*      Entre outras…

 

 

Para contactar o grupo:

** escolaappacdm.montemor@sapo.pt **

 

No dia 9 de Maio este grupo vai estar no Teatro Gil Vicente a apresentar um conto de Miguel Torga, «Os Bichos» (poesia, dança e música).

 

sintimo-nos: informadas!!
publicado por condeixabrincar às 08:57

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 8 de Maio de 2008

Entrevista Coordenadora e Professora da escola do 1.º ciclo

Balanço da entrevista à Coordenadora e Professora Alcina Dias 

 Depois de realizada a entrevista à Coordenadora e Professora da Escola Básica do 1.º Ciclo de Condeixa-a-Nova, o grupo considera que a entrevista correu de forma bastante positiva, visto termos sido recebidas de uma forma muito agradável, com grande simpatia, amabilidade e gentileza.

Em jeito de balanço, o grupo julga que a entrevista foi bastante produtiva, já que contribuiu para consolidarmos os nossos conhecimentos - até ao início das entrevistas o nosso conhecimento era apenas teórico - acerca da ludicidade, do jogo em concreto, das actividades preferidas pelas crianças desta idade (6 – 9), assim como, em que condições se encontram os espaços lúdicos da escola, onde as crianças brincam; as parcerias existentes entre a escola e outras instituições, bem como, a opinião dos educadores sobre a educação da escola foram aspectos por nós inquiridos nesta entrevista.

Assim sendo, e questionando sobretudo os pontos acima enunciados, podemos averiguar através desta entrevista que os jogos da preferência da maioria das crianças são os jogos computadorizados / videojogos, muitas vezes deseducativos e violentos, passando as crianças, de hoje em dia, muito tempo debruçadas sobre este tipo de jogos, “negligenciando” a prática desportiva e ao ar livre, uma vez que os jogos tradicionais não revestem o seu maior interesse, pelo que as professoras, por este motivo e também por falta de tempo, devido à excessiva carga lectiva, não os divulgam muito junto dos seus alunos. No que se refere à prática de jogos, verificámos que não existe distinção quanto ao sexo, pois rapazes e raparigas gostam do mesmo tipo de brincadeiras, além disso, as educadoras visam combater atitudes sexistas, por parte das crianças. Constatámos, que quanto ao uso das TIC (Tecnologias da Informação e Comunicação) uma situação óptima e cómoda, para alunos e professores, está ainda muito longe de ser atingida, já que existe apenas um computador por sala – para cerca de 20 alunos – e o seu estado não é o mais moderno e eficaz.

O gosto pela leitura nestas idades foi outro dos aspectos que podemos constatar com a realização desta entrevista. As crianças nesta idade escolar têm um gosto muito aguçado pela descoberta, pelo que a leitura torna-se um meio de satisfazer a sua curiosidade. No entanto, a leitura dentro da sala de aula tem de ser transmitida às crianças através do lúdico – assim como todas as actividades e aprendizagens -, para que não se torne uma actividade aborrecida e monótona.

A escola realiza várias parcerias com as instituições locais para dinamizar as actividades lúdicas das crianças e sempre que há um dia especial ele é assinalado de forma divertida na sala de aula, não negligenciado nem a ludicidade nem a aquisição de conhecimento.

O espaço físico da escola do 1.º ciclo de Condeixa é amplo, moderno, recente (a escola foi construída acerca de 5 anos), agradável e acolhedor; é constituído também por um grande número de salas de aula – esta escola alberga todos os alunos que vivam na zona de Condeixa ou onde tenham fechado as escolas das suas aldeias, pertencentes ao concelho – com vários armários de apoio, quer para alunos e professores, e um pequeno laboratório, uma espécie de sala mais pequena. O espaço exterior é acolhedor, onde as crianças brincam e convivem; como a professora Alcina nos contou, era já há muito sentida a falta de um espaço coberto, onde as crianças pudessem brincar aquando do tempo mais chuvoso - actualmente encontra-se em construção.

Podemos averiguar que a classe social dos pais desta escola é muito díspar e homogénea, e que esta influencia a aprendizagem e o modo como a criança assimila os conhecimentos. O carinho e a afectividade nestes alunos têm que ser muitas vezes compensados pelas professoras, pois em casa, no seio da família, as crianças são muitas vezes “esquecidas” pelos pais, devido ao ritmo de vida alucinante da sociedade actual e pela exigência cada vez maior do currículo escolar, que obriga as crianças a passarem muito tempo na escola; os seus problemas, os seus anseios, as suas alegrias, as suas dúvidas e “porquês” são relegados para segundo plano, pois o convívio com os pais é pouco aprofundado.

No que se refere à participação dos encarregados de educação na escola dos seus educandos, esta é muito vaga e apenas uma pequena minoria participa de forma activa e construtiva.

         A realização desta entrevista constituiu um óptimo recurso para enriquecer o nosso projecto, pois permitiu-nos ouvir a opinião de uma profissional que se encontra no “terreno” e que para além de ser professora, e de estar todos os dias a educar e a trabalhar com as crianças, é também coordenadora desta instituição educativa. Além disso, permitiu-nos observar de perto como são as brincadeiras e as relações entre as crianças, como convivem e resolvem os seus conflitos, estruturando assim a sua personalidade e identidade própria.

sintimo-nos: preparadas...
publicado por condeixabrincar às 23:33

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 7 de Maio de 2008

Entrevista Vereadora da Cultura e Educação da CMC

Conclusão da entrevista à Vereadora da Cultura e Educação da CMC

 

       Consideramos que a entrevista correu bem e que fomos recebidas com simpatia e grande disponibilidade. Sendo ela o ponto de partida da nossa investigação-acção, pensamos que a entrevista foi bastante enriquecedora, pois permitiu-nos tomar conhecimento e compreender os projectos que a Câmara Municipal de Condeixa visa empreender na vila (quer no que toca à promoção de actividades, quer à construção de infra-estruturas) e adquirir alguns conselhos quanto à prossecução do nosso trabalho de projecto.

            Do que pudemos constatar, a CMC considera importante a valorização das tradições, nomeadamente as da vila. Os jogos tradicionais assumem especial importância numa altura em que a crescente globalização e o avanço da tecnologia põem em causa a diversidade de culturas. Assim, a vereadora mostrou o seu agrado pelo nosso tema de trabalho.

            Por último, verificámos que a CMC se preocupa bastante com os tempos livres das crianças e as actividades em que estas devem participar. Deste modo, coloca em primeiro plano a segurança e as boas condições físicas das infra-estruturas e equipamentos da vila. Promove igualmente a realização de actividades que visem o exercício físico e o relacionamento saudável entre crianças/jovens.

          Resta-nos agradecer à Dr.ª Margarida Guedes, vereadora da Cultura e Educação da CMC, a disponibilidade e amabilidade com que nos recebeu, mostrando-se mesmo disposta a colaborar com o nosso grupo na realização da exposição de brinquedos e jogos tradicionais da vila de Condeixa.

sintimo-nos: interessadas
publicado por condeixabrincar às 21:25

link do post | comentar | favorito

Entrevista Casa da Criança

Resumo da entrevista à Casa da Criança

 

            Para conhecermos melhor as instalações educativas para crianças dos 3 aos 10 anos de idade da vila de Condeixa-a-Nova, completámos o leque de entrevistas já realizadas com mais uma. Esta foi feita à Casa da Criança de Condeixa-a-Nova e aqui apresentamos um pequeno resumo com os aspectos mais importantes que nela se encontram.

 

  - Segundo a educadora com quem falámos, as actividades que a Casa da Criança tenta dinamizar (leitura de livros, construção de puzzles, pintura, entre outras) têm sempre como objectivo principal desenvolver as crianças a nível físico e mental.

  - A Casa da Criança costuma realizar actividades, tentando integrar os pais, como é o caso do Dia da Mãe e do Dia do Pai. Promove mesmo um “Dia da Família”. Tenta igualmente colaborar com outras instituições (APPA, Câmara, ETAP), como por exemplo na produção de desfiles de Carnaval, como referiu a educadora: “(…)  participamos em actividades que a Câmara nos solicita (…)”.

  - Quanto aos jogos tradicionais da vila, a educadora mencionou que não costumam ser praticados, reconhecendo ser uma “lacuna”.

  - Esta instituição educativa aborda temáticas importantes, como o inglês, ginástica, música e TIC. Esta actividade provoca grande entusiasmo e participação por parte das crianças.

  - Por último, como nos indicou a educadora, a Casa da Criança tenta envolver os pais em variados domínios: “(…) no início do no lectivo, (…)” damos “(…) um inquérito para os pais darem ideias sobretudo para os projectos e aí eles participam, dão ideias que têm a ver com as actividades extracurriculares, interesses das crianças...”, embora estes não participem significativamente, como a educadora mostrou gostar que o fizessem.

 

Resta-nos agradecer à educadora e à Casa da Criança pela disponibilização desta entrevista e pela simpatia com que nos recebeu!
sintimo-nos: prontas para aprender mais!!
publicado por condeixabrincar às 21:19

link do post | comentar | favorito

Entrevista Bairro do Ciclo (14/02/2008)

 

Balanço -- Entrevista à educadora do Jardim-de-Infância do Bairro do Ciclo

 

 

Na nossa opinião, esta entrevista correu muitíssimo bem, pois a educadora recebeu-nos bem, foi muito simpática e amável, respondendo a todas as nossas perguntas com abertura. Para além disso, mostrou-se disponível para ajudar no que fosse necessário para o nosso projecto, disponibilizando brinquedos tradicionais que possui, para a exposição que vamos realizar ainda neste período.

Podemos concluir também que as crianças aprendem através dos jogos lúdicos (a matemática é um exemplo) “No pré-escolar tem de ser tudo feito assim, pois, de outra maneira, a criança não tem desenvolvimento intelectual suficiente para passar para o mundo o abstracto e tem de ser tudo na base do real e do lúdico.” As crianças, aprendem também através da leitura de histórias, mostrando-se muitíssimo interessadas; depois criam o seu “herói” aprendem a história e passam-na para a fase do jogo em que vivem as personagens e brincam com elas. As actividades que desenvolvem têm como objectivo principal desenvolver as crianças a nível físico e mental, socializá-las e, de um modo geral, a aprendizagem também de regras.

Os jogos tradicionais são utilizados nesta pré-escola (o lencinho vai na mão, a corda queimada, por exemplo), que servem para incutir regras, para a socialização e também para se divertirem.

As instalações do Jardim-de-infância são boas: tem uma cantina, um espaço agradável, onde as crianças podem brincar ao ar livre e, ainda, o “ATL”, onde se pode ver filmes, ouvir histórias, etc. As salas de aula, segundo a educadora, podiam ser maiores, mas não são más. Esta instituição educativa tem várias actividades, como a natação, a ginástica, entre outras.

Pudemos observar, que as crianças brincam todas em conjunto, ou seja, não há distinção entre meninas e meninos, a única distinção que fazem é entre crianças mais velhas e mais novas.

As crianças também trabalham com o computador, estimulam a leitura, a manipulação com o rato, e também é um método de estes lidarem com as novas tecnologias.

Os pais não se relacionam muito com o jardim-de-infância, contudo, por vezes, a educadora manda “TPC’s” para que os pais ajudem as crianças, com o objectivo de fomentar a relação dos pais com as crianças, em casa, ajudando-as a fazer os “trabalhitos” e a pesquisar assuntos na internet, permitindo, assim, uma maior ligação às telecomunicações.

sintimo-nos: no bom caminho!
publicado por condeixabrincar às 12:24

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 1 de Maio de 2008

Actividade no jardim-de-Infância do Bairro do Ciclo, com o apoio do grupo da APPACDM de Coimbra

                                   **  ....  ...   **

No passado dia 30 as Condeixabrincar organizaram uma actividade no âmbito do nosso projecto, “Como brincam as nossas crianças?”, com a colaboração do Grupo Instrumental Orff da APPACDM de Coimbra e da escritora infanto-juvenil, Lurdes Breda, para as crianças do Jardim-de-Infância do Bairro do Ciclo passarem uma manhã diferente.

A actividade desenvolveu-se tendo em conta o Dia Internacional do Livro Infantil e consistiu na apresentação dramatizada da obra “Zuleida, a princesa moura”. Esta nossa intervenção teve como objectivos principais:

- desenvolver nas crianças o gosto pela leitura;

- divulgar histórias infantis de origem portuguesa;

- desenvolver, junto das crianças, o gosto pela música;

- desenvolver a sensibilidade das crianças para as pessoas portadoras de deficiência.

O balanço que podemos fazer desta actividade é bastante positivo, uma vez que adorámos o contacto com as crianças, permitindo-nos observar as suas reacções de alegria, júbilo aquando da participação empenhada e extremamente interactiva que estabeleceram com o grupo que representou para esta “assistência” maravilhosa!

Podemos constatar que as crianças são muito activas e receptivas a actividades novas e originais e participam empenhadamente em todos os desafios que lhes se coloca.

Não podemos deixar de agradecer a enorme simpatia e abertura com que participaram nesta actividade educadoras e auxiliares da pré-escola, que acharam muito positiva e importante a dinamização de projectos como este para o crescimento e desenvolvimento harmoniosos das crianças.

Ah… e os nossos parabéns e congratulações vão inteirinhos para os nossos mais recentes amigos, os actores do Grupo Orff da APPACDM de Coimbra, que desempenharam a sua tarefa com um orgulho e dedicação extremos e mostraram uma simpatia e alegria incomparáveis tanto para com as crianças, como para nós; para a simpatiquíssima e extremamente talentosa Lurdes Breda e, por último, para a professora Lina que se mostrou muito amável, participativa e colaboradora para com o nosso grupo. Para estes o nosso muito OBRIGADA!

>> Os livros que o Jardim-de-Infância e o nosso grupo adquiriram vão reverter, em parte, para esta instituição da APPACDM. Brevemente, publicaremos as fotos desta actividade!

                                        http://www.eb1-porto-n15.rcts.pt/

sintimo-nos: em grande
publicado por condeixabrincar às 23:09

link do post | comentar | favorito

Querem conhecer os jardins-de-infância da nossa vila?

Olá pessoal!

 

Após várias entrevistas a algumas instituições educativas de Condeixa-a-Nova (Jardim-de-infância do Bairro do Ciclo e Casa da Criança), resolvemos publicar as fotos que tirámos a esses mesmos locais.

Esta experiência foi muito enriquecedora pois permitiu-nos conhecer melhor o ambiente onde a criança convive, se forma, aprende e constrói a sua personalidade. Tivemos também oportunidade de entender melhor os projectos e como se prepara a educação nestes meios.

Resta-nos agradecer a disponibilidade e a simpatia com que as educadoras/auxiliares dos respectivos jardins-de-infância nos receberam!

Esperamos que apreciem os slides! 

Nota: os slides correspondentes encontram-se nos posts "Fotos Jardim-de-infância do Bairro do Ciclo" e "Fotos da Casa da Criança". 

sintimo-nos: empenhadas!
publicado por condeixabrincar às 20:03

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

Fotos Jardim-de-Infância Bairro do ciclo

publicado por condeixabrincar às 13:09

link do post | comentar | favorito
Sábado, 26 de Abril de 2008

Venham conhecer os Parques Infantis de Condeixa...

Pois é... Depois de muita pesquisa e muitas fotos tiradas ( ) apresentamos os parques infantis e espaços verdes que fazem as delícias dos mais pequenos! Adorámos a experiência... e o facto é que enriqueceu bastante o nosso projecto, pois fomos conhecer "a fundo" os locais que as crianças costumam frequentar, em Condeixa, e se estes estão em condições ou não.
Da observação naturalista que realizámos, podemos concluir que as crianças evitam espaços mais degradados e mais isolados e que gostam imenso de espaços alegres, aprazíveis, enfim, propícios ao desenvovimento da criança em harmonia. Chamamos a atenção para os parques com placas à entrada, que contêm as normas de segurança, números de telefone úteis, em caso de emergência...


-- Queremos só deixar um apelo: não degradem os espaços públicos e preservem o melhor possível, para que as crianças possam crescer em espaços bonitos e seguros e que os mais velhos possam ver esse crescimento com alegria, fruindo também de paz e felicidade! 

sintimo-nos: super divertidas!
publicado por condeixabrincar às 23:39

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 24 de Abril de 2008

Fotos da Casa da Criança

publicado por condeixabrincar às 14:20

link do post | comentar | favorito
Sábado, 12 de Abril de 2008

Mais alguns jogos tradicionais...

      Ù Macaquinho do chinês 

 

N.º de participantes: de cinco a dez

Local: junto de um muro ou de uma parede

Material: nenhum

 

Descrição

Dos participantes, escolhe-se o macaquinho do chinês que se encosta a uma parede ou muro, de costas voltadas para o grupo. Os restantes colocam-se a uma certa distância, alinhados.

O macaquinho do chinês diz, de costas voltadas para o grupo:

- Um, dois, três, macaquinho do chinês.

Quando termina a frase, volta-se para o grupo, rapidamente, que entretanto tentou aproximar-se sem ser visto.

Se algum dos elementos for visto pelo macaquinho do chinês a deslocar-se ou a mexer-se, volta para a posição inicial.

Ganha quem primeiro chegar junto do macaquinho do chinês.

 

      Ù Macaca 

 

N.º de participantes: dois a quatro

Local: ar livre

Material: pequeno caco ou pedra

 

Descrição

O primeiro jogador coloca-se em frente da primeira “casa” e lança-lhe para dentro o caco. Ao pé cochinho percorre as outras casas não pisando a que tem o caco nem nenhum dos riscos que desenham a “macaca”.

Ao chegar à última casa dividida ao meio, pára para descansar os pés, um em cada lado.

Recomeça o percurso em sentido contrário, até à casa anterior à do caco. Pára, agarra o caco, sem poisar o pé que leva no ar, salta a casa do caco e continua até sair.

Continua a jogar seguindo a ordem das casas e procedendo sempre da mesma forma.

Quando joga para a última casa não pode descansar porque só tem um lado livre.

Ao percorrer todas as casas, pega no caco e, colocando-se a uma distância de cinco a seis passos, previamente combinada, e de costas para a macaca, lança o caco tentando acertar numa casa. Se acertar, marca-a com um símbolo e continua reiniciando o jogo. Agora a casa marcada fica fora de jogo e também não pode ser pisada.

Perde e dá lugar a outro jogador quem poisa os pés indevidamente, não acerta com o caco nas casas ou pisa as marcações da macaca.

 

      Ù Coroa de flores 

Material: hera, várias flores e folhas

 

Faz-se uma argola com a hera que serve de suporte e com a dimensão pretendida. Depois colocam-se à volta todas as flores e folhas entrelaçadas.

Fonte: Bandeira, Fátima e Grilo, Rosário (2005).Brincar, segredos de infância. Edição: Coordenação Concelhia do Ensino Recorrente e Extra-Escolar (adap.)

sintimo-nos: brincalhonas
publicado por condeixabrincar às 16:37

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Abril de 2008

Museu com BRINQUEDOS TRADICIONAIS - Leiria

 Museu Escolar - Leiria
Em Marrazes, Leiria existe um Museu Escolar, onde há uma sala de exposições que contém uma recolha de brinquedos tradicionais . O site é http://www.museuescolar.pt.
É um apontamento etnográfico que nos
reporta à época em que a criança se valia do seu poder imaginativo para construir brinquedos, utilizando materiais existentes na sua região.
Bolas cosidas e bordadas pelas meninas
 
 

Brinquedos de cana
Brevemente, apresentaremos mais museus dos brinquedos...esperamos que gostem e ...que fiquem ansiosos!!!
sintimo-nos: traquinas!
publicado por condeixabrincar às 17:19

link do post | comentar | favorito
Sábado, 5 de Abril de 2008

Datas a assinalar - Dia Mundial Da Criança

      

     Após a 2ª Grande Guerra Mundial, as crianças de todo o Mundo enfrentavam grandes dificuldades, a alimentação era deficiente, os cuidados médicos eram escassos. Os pais não tinham dinheiro, viviam com muitas dificuldades, retiravam os filhos da Escola e punham-nos a trabalhar de sol a sol. Mais de metade das crianças Europeias não sabia ler nem escrever. 

 

      Em 1950, a Federação Democrática Internacional das Mulheres, propôs às Nações Unidas que se comemorasse um dia dedicado a todas as crianças do Mundo – 1 de Junho. Os Estados Membros das Nações Unidas, - ONU - reconhece que as crianças, independentemente da raça, cor, sexo, religião e origem nacional ou social, necessitam de cuidados e atenções especiais, precisam de ser compreendidas, preparadas e educadas de modo a terem possibilidades de usufruir de um futuro risonho.

   

   Ao contrário do que muitas pessoas pensam, o Dia Mundial da Criança não é só uma festa onde as crianças ganham presentes.

 

      É um dia em que se pensa nas centenas de crianças que continuam a sofrer de maus-tratos, doenças, fome e discriminações (discriminação significa ser-se posto de lado por ser diferente).

 

 

         

O Dia 1 de Junho de 2008, dia mundial da criança, é um dia de alegria, de amor, e de luto...

É lamentável, que nem sempre os direitos sejam universais...

  
 
sintimo-nos: Crianças
publicado por condeixabrincar às 11:26

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 2 de Abril de 2008

Afirmação do Ministro da Cultura

Dia 2 de AbrilDia Internacional do Livro Infantil
 
Em declaração à SIC, o Ministro da Cultura, Pinto Ribeiro, referiu, hoje, que o Livro é “instrumento de identidade e liberdade”.
sintimo-nos: informadas
publicado por condeixabrincar às 18:51

link do post | comentar | favorito

Datas a assinalar - Dia Internacional do Livro Infantil

Ù 2 de Abril – Dia Internacional do Livro Infantil    

                                                                     

sintimo-nos: Comemorativas
publicado por condeixabrincar às 13:16

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 20 de Março de 2008

FELIZ PÁSCOA

sintimo-nos: muito, muito felizes
publicado por condeixabrincar às 11:12

link do post | comentar | favorito

Avalação da disciplina - 2º PERÍODO -

JOANA ---- 18 valores

 

GORETI ---- 17 valores

 

MARISA ---- 18 valores

 

PAULA ---- 17 valores

sintimo-nos: orgulhosas
publicado por condeixabrincar às 10:09

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 12 de Março de 2008

Novas actividades

Março:

 

* Realização de uma entrevista à escola primária de Condeixa.

* Preparação de uma actividade a realizar no 3.ºperíodo com a associação APPACDM de Coimbra; contacto com a pré-escola do Bairro do Ciclo.

* Preparação dos portefólios individuais e de grupo (avaliação do professor).

* Auto e hetero avaliação.

sintimo-nos: dinâmicas
publicado por condeixabrincar às 12:32

link do post | comentar | favorito
Sábado, 8 de Março de 2008

DIA DA MULHER

Meninas, hoje o dia é NOSSO!!!!

 

                              Feliz dia da mulher!

 

                                                                                                                              Somos únicas!!


As condeixabrincar  

sintimo-nos: Maravilhosas!!
publicado por condeixabrincar às 12:40

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008

Entrevistas já realizadas

 

Chegou a altura de publicarmos as entrevistas realizadas e os seus resultados!
A finalidade é divulgar as entrevistas que já realizamos às educadoras de infância da pré-escola do Bairro do Ciclo e da Casa da Criança, nos dias 14 e 22 de Fevereiro, respectivamente. Temos ainda agendada uma próxima entrevista com a coordenadora da Escola Básica.
Por acharmos a mais interessante e pertinente, decidimos divulgar-vos a entrevista realizada à Vereadora da Educação e da Cultura da nossa Câmara Municipal, Dr.ª Margarida Guedes, realizada no passado dia 25 de Janeiro.     A nossa entrevista incidiu sobre as crianças dos 3 aos 10 anos e tratámos dos mais variados assuntos, desde projectos planificados para as crianças, como também as condições de algumas creches ou parques públicos da nossa vila.
            Perante as perguntas que foram colocadas à vereadora extraímos as ideias mais relevantes e interessantes:
            - Em primeiro lugar, a Dr.ª Margarida afirma que existem dois níveis etários (o pré-escolar e o 1.º CEB). Em relação ao pré-escolar, a vereadora referiu que tinham alguns espaços tipificados, mas que são muito difíceis mantê-los como, por exemplo, na Barreira, Nova Conímbriga ou no Bairro Novo, porque são necessárias condições «se não há segurança e outras condições é preferível as crianças brincarem com o que têm, junto dos pais, avós ou outros familiares próximos». Por outro lado, nas aldeias, ao contrário das áreas urbanas, as crianças podem brincar à vontade, pois a intensidade de trânsito é bastante inferior e não há que ter tantos cuidados com a vigilância (que nos dias de hoje tem de se ter em atenção).
A vereadora referiu, ainda, que muitos parques infantis foram retirados das escolas e jardins-de-infância por normas de segurança (físicas e equipamentos anexos: telefone, vedação, seguro, entre outros). Estes espaços, também, são frequentemente vandalizados, um bom exemplo é o Parque Verde -  «Ou são espaços que estão constantemente em bom estado de segurança para quem os frequenta ou então é preferível não estarem e, é por isso, que nós apostamos em pouco mas bom».
- Em relação aos jogos tradicionais «Nós, não recuperamos directamente, mas ajudamos a quem quer recuperar, é esse o nosso objectivo e deve ser a nossa maneira de agir». No 1.º CEB, os professores e auxiliares incentivam os jogos tradicionais, como o jogo do berlinde. Os tempos mudaram, as crianças passam o dia dentro de casa a jogar consola ou jogos no computador. «Assim, é quase um desperdício promover as brincadeiras tradicionais, não é que eu ache um desperdício, mas é muito difícil. Os jogos aparecerem de uma necessidade de ocupar os tempos livres, mas crianças de hoje estão sempre muito ocupadas que quase não brincam. Elas saem tardíssimo dos infantários e quando chegam a casa vêem televisão, jogam consola ou vão para o computador. Actividades estas que são bastante violentas». Cabe-nos a nós e, sobretudo, a quem trabalha com as crianças promover junto delas brincadeiras tradicionais.
«Quando vou às escolas, reparo que as crianças de agora são bastante competitivas (o que é bom de um certo modo), ao contrário das crianças de outrora cujo único objectivo era a diversão».
- Em relação aos espaços públicos temos o Parque Verde (tanto para os mais pequenos como para os maiores) que tem várias diversões: mini-golfe, um campo de futebol vedado, a parte do skate, uma pista de corrida, entre outros. Ainda, temos a nossa nova biblioteca que irá ser adequada a vários espaços (jogos, leitura, parte específica para as crianças – ludoteca), igualmente a decoração e o mobiliário vão ser adequados e muito atractivos. No exterior, tudo à volta é jardinado e será, então, um espaço lúdico-didáctico, «Parece-me que, à medida que as crianças vão descobrindo o espaço, irão encontrar muito mais para brincar e para fazer do que à primeira vista parece». A abertura está prevista entre Março e Abril.             
            - Em relação à colaboração dos cidadãos na resolução destas dificuldades a Dr.ª Margarida refere que a participação é pouco significativa: «se fôssemos a chamar o cidadão comum para se pronunciar, seria cada cabeça sua sentença». Para a construção de novas infra-estruturas, a vereadora relata que a ajuda financeira é dada pela autarquia e, depois, cabe ao poder local a manutenção do espaço.
            - A CMC tem actividades que costuma realizar com as crianças como, por exemplo, a «Páscoa Abrir», a «Feira do Livro Infantil», o «Dia do Ambiente», o «Dia da Árvore», actividades no Natal (árvores feitas de materiais recicláveis), actividade no Carnaval, nos Santos Populares, os coros infantis, entre outras. A Câmara proporciona, também, actividades curriculares como, o Inglês e o Desporto; preserva, ainda, a imaginação e a criatividade.
            - Ao referirmos uma prevista exposição, da nossa autoria, na Casa Museu Fernando Namora ou no Salão dos Bombeiros, durante 3.º período, acerca dos jogos tradicionais, a Dr.ª Margarida disse-nos que era «uma ideia interessantíssima» e que, na Câmara, a secção de Desporto tem muitos materiais deste tipo, bem como, a Associação “ASA” ou as Associações Recreativas.
- Por último, a Dr.ª Margarida deixou-nos um conselho: «mostrem Condeixa, ou seja, contextualizem o vosso tema. Para tal, é necessário divulgar Condeixa de outrora e a actual (o antes e o depois). Tentem, também, responder à pergunta: Porque se brinca, assim, hoje, em Condeixa? Podem contar com o nosso apoio e colaboração!».
Podemos considerar o resultado bastante positivo... e que as entrevistas já realizadas serviram para enriquecer-nos quer a nível pessoal e profissional!!!
Esperamos que tenham ficado informados acerca do funcionamento das instituições da vila de Condeixa!!
 

 

sintimo-nos: felizes!!
publicado por condeixabrincar às 10:01

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2008

Actividades realizadas no mês de Fevereiro

 Neste mês as nossas actividades foram:

Fevereiro:

 

Ø Publicação de um vídeo sobre os direitos das crianças.

Ø Realização do contacto ao pré-escolar, Bairro do Ciclo, e à creche da Casa da Criança. Marcação de uma entrevista com a educadora da creche do Bairro do Ciclo, no dia 14, pelas 13.30h. Marcação de uma entrevista à Casa da Criança no dia 22, sexta-feira.

Ø Definição das perguntas a realizar aquando da entrevista às educadoras e, também, às professoras do ensino básico.

Ø Realização da entrevista à pré-escola do Bairro do Ciclo.

Ø Organização da revisão da literatura para o portefólio de grupo epara o blogue.

Ø Elaboração de um artigo para o Jornal de Escola sobre as entrevistas realizadas anteriormente.

Ø Planificação de uma actividade com a pré escola do Bairro do Ciclo, com a intervenção de um grupo de teatro da APPACDM de Coimbra (representação de um teatro para as crianças pelos utentes desta instituição - representação de uma história de um livro infantil escrito por uma deficiente motora).

ØDivulgação dos aspectos fundamentais da entrevista realizada à Vereadora da Educação e da Cultura, Dr.ª Margarida Guedes.

sintimo-nos: organizadas
publicado por condeixabrincar às 13:22

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 14 de Fevereiro de 2008

No "mundo" das entrevistas...

 

Depois de realizada a entrevista à Vereadora da Educação da Câmara Municipal de Condeixa, já entrevistámos também a Educadora de Infancia de uma Pré - Ecola da nossa vila.

Podemos considerar o resultado positivo!

Em breve daremos novidades das entrevistas... Fiquem à espera!!

sintimo-nos: "repórteres"
publicado por condeixabrincar às 20:31

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 13 de Fevereiro de 2008

Plano mensal de actividades

Dezembro:

 

Ø envio de um e-mail ao professor de Psicologia da Universidade de Coimbra – João Amado.

Ø preparação do portefólio individual e de grupo.

Ø auto e hetero-avaliação e publicação da mesma.

Ø publicação no blogue: algumas citações pertinentes de vários autores; ante-projecto; «Um diálogo que nunca existiu».

Ø publicação de um artigo no jornal da escola.

 

 

  Janeiro:

Ø preparação da entrevista e realização do contacto à vereadora da Educação e da Cultura.

Ø realização da entrevista à vereadora da Cultura e da Educação, Dr.ª Margarida Guedes, no dia 25, pelas 9:00h.

Ø publicação no blogue: história do nosso concelho; slide com fotos de Condeixa; jogos tradicionais da nossa vila; dois artigos da Declaração Universal dos Direitos da Criança; notícia da folha informativa da nossa vila; divulgação de entrevista.

 

 

sintimo-nos: activas
publicado por condeixabrincar às 12:31

link do post | comentar | favorito
Domingo, 3 de Fevereiro de 2008

Chegou o Carnaval!

CARNAVAL é festa! Aproveitem-no!

publicado por condeixabrincar às 10:40

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 1 de Fevereiro de 2008

Os Direitos da Criança

 

Fica a sugestão do vídeo...

 

 

sintimo-nos: engraçadas!
publicado por condeixabrincar às 09:45

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

A História da nossa vila

As terras de Condeixa foram dadas por D. Afonso Henriques ao Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra.

O nome de Condeixa-a-Nova só apareceu escrito, pela primeira vez, em 1219, quando reinava D. Afonso II (neto de D. Afonso Henriques).

O rei D.Manuel I deslocava-se para Santiago de Compostela e, de passagem por Condeixa-a-Nova, gostou da paisagem e do clima e mandou construir a Igreja Matriz, em 1514, dando o foral a Condeixa.

Devido à doação do foral e, sobretudo, devido à estrada Lisboa-Coimbra-Porto, Condeixa-a-Nova foi-se desenvolvendo e crescendo bastante.

O concelho sofreu uma grande devastação no período das invasões francesas, principalmente, na que ocorreu em 1811.

É considerada por alguns como a Vila portuguesa com mais casas apalaçadas:

± O Palácio dos Costa Alemão;

± Uma pequena parte das ruínas da casa solarenga da Quinta de São Tomé;

± O Palácio dos Sotto Mayor;

± O Palácio dos Figueiredos (actual Câmara Municipal);

± O Palácio dos Sãs, na Praça da República ;

± A recuperada Pousada de Santa Cristina, antigo palácio incendiado aquando das invasões francesas;

Quanto à actividade sociocultural, há a destacar, entre outras, o Museu Monográfico de Conímbriga, a Casa Museu Fernando Namora, a Fundação de Condeixa e muitas Associações espalhadas um pouco por todo o concelho.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Condeixa-a-Nova
 
http://www.cm-condeixa.pt/

 

Dá vontade de conhecer Condeixa, não dá?
sintimo-nos: Históricas!
publicado por condeixabrincar às 12:56

link do post | comentar | favorito

Divulgação de entrevista...

          Com o objectivo de nos esclarecerem acerca da forma como o tema do nosso trabalho de projecto (“Como brincam as nossas crianças?”) é abordado pela nossa vila (quais as intervenções da Câmara Municipal neste campo), solicitámos uma entrevista com a vereadora da Cultura e Educação, Dr.ª Margarida Guedes.

         Após contacto, a entrevista ficou marcada para o dia 25 de Janeiro.

           Brevemente divulgaremos a nossa entrevista! Aguardem!

sintimo-nos: em trabalho!!
publicado por condeixabrincar às 12:54

link do post | comentar | favorito

Tradições em Condeixa!

Por nos interessarmos em divulgar a nossa vila e os eventos nesta realizados, achámos por bem publicar uma acção levada a cabo pela CMC, no passado mês de Outubro, tendo as tradições ancestrais de Condeixa o “papel principal”.
 
«Rota das Tradições: uma viagem ao século XIX
 
A recriação das profissões antigas da vila e de outros aspectos da sua história entusiasmou a população e os comerciantes, que aderiram “praticamente a 100%”, à iniciativa “Rotas das Tradições”, que decorreu em Condeixa, entre os dias 13 e 14 de Outubro.
A gastronomia típica também esteve em foco e as montras das lojas foram enfeitadas com objectos ligados aos ofícios do século XIX. Uma iniciativa da Unidade de Acompanhamento e Coordenação (UAC) dos Municípios de Condeixa-a-Nova e Mira, destinada a atrair as pessoas aos centros urbanos e a dinamizar o comércio local.»
           In "Folha Informativa" da Câmara Municipal de Condeixa, Novembro 2007 #17
 
Vila CRIATIVA, não acham? 
sintimo-nos: "tradicionais"!
publicado por condeixabrincar às 12:48

link do post | comentar | favorito
Domingo, 20 de Janeiro de 2008

Declaração Universal dos Direitos da Criança

Fica a curiosidade!
Artigo 31.º
1. Os Estados Partes reconhecem à criança o direito ao repouso e aos tempos livres, o direito de participar em jogos e actividades recreativas próprias da sua idade e de participar livremente na vida cultural e artística.
2. Os Estados Partes respeitam e promovem o direito da criança de participar plenamente na vida cultural e artística e encorajam a organização, em seu benefício, de formas adequadas de tempos livres e de actividades recreativas, artísticas e culturais, em condições de igualdade.
http://www.apfn.com.pt/declaracao_universal_dos_direitos_da_crianca.htm
sintimo-nos: pesquisadoras!
publicado por condeixabrincar às 20:35

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2008

Fotos da nossa vila!

publicado por condeixabrincar às 21:33

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2008

Tradições da nossa vila...

  Porque queremos divulgar a nossa vila aqui ficam alguns jogos tradicionais que já as nossas avós praticavam!! Se os quiserem experimentar…

 

     Ù Brinquedos / jogos

 

          Ù Bonecas de papoila

  Material: papoilas e linha

 

  Dobram-se as pétalas das papoilas com muito cuidado deixando a descoberto o estigma. Atam-se as pétalas com uma linha de modo a acentuar a cintura do vestido. Espetam-se dois pedacinhos do pé da papoila na parte superior para fazer os braços. Como já existe um pé que sustenta a flor, junta-se-lhe um outro, do mesmo tamanho, para fazer a outra perna da boneca.

 

          Ù Rodízio

  Material: papel de várias cores, cana, arame e bunho

 

  Primeiro corta-se o papel em forma de quadrado, no mínimo dez centímetros de lado. Depois cortam-se as diagonais sem chegar ao centro, para manter o quadrado inteiro.

  Corta-se um bocadinho de bunho, enfia-se num bocado de arame e logo a seguir o quadrado de papel colocado pelo centro. Em seguida enfiam-se alternadamente as pontas dos vértices do quadrado.

  Para prender põe-se mais um bocadinho de bunho, uma rodelinha de papel e dobra-se a ponta do arame para segurar o rodízio.

  Este é colocado na extremidade de uma cana fina com trinta centímetros de comprimento aproximadamente.

 

Ù Barquinha

  N.º de participantes: indeterminado

  Local: ar livre

  Material: nenhum

  Descrição

  Estão dois jogadores de mãos dadas com os braços levantados em arco e frente a frente. Um representa o céu e o outro o inferno, conforme o combinado anteriormente em segredo.

  Entretanto, combinaram, também entre si, qual o fruto ou flor que cada um vai usar como nome a ser divulgado.

  O resto do grupo, em fila, coloca-se como se fosse um comboio e vão andando às voltas enquanto os dois cantam:

  Que linda barquinha

  Que lá vem lá vem

  É uma barquinha

  Que vem de Belém.

  O grupo responde ao mesmo tempo que se vai dirigindo ao arco formado pelos dois jogadores:

  Ó Sr. Barqueiro

  Deixai-me passar

  Tenho filhos pequeninos

  Não os posso sustentar.

  Os dois respondem:

  Passarás passarás

  Mas algum deixarás

  Se não for a mãe à frente

  E o filho lá de trás.

  O comboio passa por debaixo do arco. O último da fila é retido pelos dois e convidado a escolher entre as duas flores ou frutos. Depois da decisão, coloca-se atrás do escolhido. O jogo volta ao princípio até terminarem os elementos do comboio. O último, “a mãe”, tem de passar pelo arco três vezes, sempre a correr, só à terceira vez é que fica retida e escolhe o lado a ficar.

  Finalmente é revelado o céu e o inferno.

  Ganha o lado que tiver maior número de elementos.

 

  Nota: o grupo ganhador também pode ser decidido pelo grupo que tiver mais força. Agarrando-se uns aos outros, todos pela cintura, e puxando cada grupo para seu lado, até que alguém caia ou desista ou seja arrastado para o lado do adversário.

 

Ù Mamã dá licença

 

  N.º de participantes: entre cinco a dez

  Local: qualquer um

  Material: nenhum

 

  Descrição

  Entre o grupo de jogadores escolhem a mamã. Os outros colocam-se alinhados em frente dela, cerca de dez metros.

  O primeiro de uma das extremidades começa:

  - Mamã dá licença?

  - Dou.

  - Quantos passos?

  A mamã tem de dizer o número de passos que ele deve avançar, indicando também o modo (de bailarina – dançando; de bebé – passos pequeninos; de gigante – passadas enormes; de tesoura – saltando com pernas juntas e afastadas, alternadamente; de caranguejo – para trás; …).

  Todos os jogadores vão pedindo licença para se aproximarem da mamã.

  Ganha quem chegar primeiro junto da mamã.

 

Ù Lenço lencinho

 

  N.º de participantes: indeterminado

  Local: ar livre

  Material: lenço

 

  Descrição

  Os jogadores fazem uma roda de mãos dadas.

  Um jogador fica de fora com o lenço e andando à volta da roda vai dizendo:

  - Lenço lencinho

  Lenço lenção

  Quem olhar para trás

  Leva um estaladão.

  Vai deixar cair o lenço atrás de qualquer um dos elementos da roda. Este, por sua vez, terá que se aperceber que tem o lenço, pegar nele e correr a tentar apanhar o outro, que tem por objectivo chegar ao sítio que ficou vago, dando a volta à roda. Se conseguir chegar ao lugar o jogo continua. Se o que tinha o lenço atrás não se aperceber que o tem e deixar o companheiro chegar de novo junto dele, depois de ter dado a volta completa à roda, terá que ficar de castigo. Vai para dentro da roda tentando roubar o lenço de trás de outro que, tal como ele, esteja distraído e não dê pelo lenço. Neste caso, sai do meio da roda e troca com o novo distraído.

  O jogo termina quando os jogadores estiverem cansados.

 

Ù Lengalengas

 

  Tão balalão

  Cabeça de cão

  Orelhas de gato

  Não tem coração.

 

  Dedo mindinho (mínimo)

  Seu vizinho (anelar)

  Pai de todos (médio)

  Fura bolos (indicador)

  Mata piolhos (polegar)

 

  Vou pregar o meu sermão

  Com o meu barrete na mão

  Com uma espada de cortiça

  Para matar a carriça

  A carriça deu um berro

  Toda a gente se espantou

  Só uma velha ficou

  Embrulhada num sapato

Fonte: Bandeira, Fátima e Grilo, Rosário (2005).Brincar, segredos de infância. Edição: Coordenação Concelhia do Ensino Recorrente e Extra-Escolar (adap.) 

sintimo-nos: muito curiosas!!...
publicado por condeixabrincar às 16:05

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 31 de Dezembro de 2007

Citações pertinentes

     Pois é... não somos só nós que estamos a estudar o "brincar", já o tinham feito antes de nós...(rir). Assim, deixamos algumas citações que consideramos pertinentes...!  
       Vygotsky afirma que no “brinquedo, é como se a criança fosse maior do que ela é na realidade”.

       Huizinga escreveu no seu livro “HOMO LUDENS” que o jogo é uma categoria absolutamente primária da vida, tão essencial quanto o raciocínio (HOMO SAPIENS) e a fabricação de objectos (HOMO FABER), então a denominação HOMO LUDENS, quer dizer que o elemento lúdico está na base do surgimento e desenvolvimento da civilização.
Também a auto-estima, uma das condições do desenvolvimento normal, tem sua gênese na infância em processos de interação social – na família ou na escola – que são amplamente proporcionados pelo brincar.
É de grande importância que os professores compreendam e utilizem o jogo como um recurso privilegiado de sua intervenção educativa.
 
"Brincar não é perder tempo, é ganhá-lo. É triste ter meninos sem escola, mas mais triste é vê-los enfileirados em salas sem ar, com exercícios estéreis, sem valor para a formação humana". Carlos Drummond de Andrade
 
"Através de uma brincadeira de criança, podemos compreender como ela vê e constrói o mundo - o que ela gostaria que ele fosse, quais suas preocupações e que problemas a estão minando. Pela brincadeira, ela expressa o que teria dificuldade de colocar em palavras. Nenhuma criança brinca só para passar o tempo, a sua escolha é motivada por processos íntimos, desejos, problemas, ansiedades. O que está acontecendo com a mente da criança determina as suas actividades lúdicas; brincar é a sua linguagem secreta, que devemos respeitar mesmo se não a entendemos". Bruno Bettelheim
 
" Brincar é um componente crucial do desenvolvimento, pois, através do brincar a criança é capaz de tornar manejáveis e compreensíveis os aspectos esmagadores e desorientadores do mundo. Na verdade, o brincar é um parceiro insubstituível do desenvolvimento, seu principal motor. No brincar, a criança pode experimentar comportamentos, acções e percepções sem medo de represálias ou fracassos, tornando-se assim mais bem preparada para quando o seu comportamento 'contar'". Howard Gardner
__________________
_______________________ 
sintimo-nos: inspiradas
publicado por condeixabrincar às 14:50

link do post | comentar | favorito

Notas de AP

As notas na disciplina de AP (1.º Período) foram:
 
- Joana Oliveira:17 valores
 
 
- Goreti Ramalho:16 valores
 
 
- Marisa Azevedo:17 valores
 
 
- Paula Palacio: 16 valores
 
O grupo condeixabrincar faz um
balanço CRIATIVO e positivo do 1.º Período!
Um FELIZ e CRIATIVO 2OO8 a todos**
sintimo-nos: em comunicação
publicado por condeixabrincar às 12:26

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 11 de Dezembro de 2007

Anteprojecto

Apresentamos de uma forma simples o nosso Anteprojecto, ou seja,  o que planificamos fazer ao longo do ano. 

 Anteprojecto 

 

Título: Como brincam as nossas crianças?

 

Problema de investigação / acção: Quais são as actividades lúdicas das crianças de 3 a 10 anos de Condeixa e como é que a nossa comunidade contribui para esta dimensão essencial a um desenvolvimento saudável das crianças?

 

Objectivos:

       Enquadramento teórico:

 

1)    Que se entende por jogo / actividades lúdicas?

 

 

 

2)   Qual o papel das actividades lúdicas no desenvolvimento das crianças?

 

 

 

3)   Que características têm os jogos das crianças de 3 a 10 anos?

 

 

 

4)   Que distingue os actuais jogos dos jogos tradicionais?

 

 

 

5)   Os jogos escolhidos pelas crianças variam em função da idade, do género (sexo) ou do grupo social e económico a que as crianças pertencem?

 

 

 

Investigação descritiva:

 

6)   Quais são os jogos mais comuns entre as crianças das creches e escolas básicas de Condeixa, a) na escola, b) no domicílio, c) no recreio ou tempos livres?

7)   Que jogos tradicionais ainda actualmente são frequentes entre as crianças?

8)   Que caracteriza os jogos novos preferidos das crianças?

9)   Quais são os jogos típicos dos rapazes? E das raparigas?

10) De que modo a classe social de pertença condiciona os jogos escolhidos pelas crianças?

11)  Que espaços lúdicos infantis há em Condeixa? São adequados? São suficientes?

12) Que actividades desenvolvem as instituições locais para dinamizar as actividades lúdicas das crianças? Adaptam-se à disponibilidade das famílias? São frequentadas por todas as crianças?

13) Que opinião têm os educadores e os encarregados de educação sobre os jogos dos seus filhos e sobre os espaços e actividades que são localmente oferecidas às crianças?

 

Métodos de recolha de dados:

 

      * Análise documental

           * Observação naturalista

           * Entrevista semi-estruturada

           * Inquérito por questionário

 

   Métodos de tratamento e apresentação de dados:

       * Análise do conteúdo

            * Estatística descritiva

 

    População estudada:

       * Crianças de 3 a 10 anos das creches e escola básica de Condeixa (na sua totalidade)

 

            Entidades e instituições a contactar:

 ---

 Actividades

---

 Indicadores de sucesso do trabalho:  

---

                 

        

sintimo-nos: empenhadas!!
publicado por condeixabrincar às 16:00

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 5 de Dezembro de 2007

Um diálogo que nunca existiu...

Achámos interessante este excerto acerca do jogo...por isso aqui vai...!

Johann Huizinga:

     O jogo é tão inato na na poesia, cada forma de arte poética mostra-se tão intimamente associada à estrutura do jogo, que esta ligação tem sido vista como indissolúvel. Neste contexto, as palavras «jogo» e «poesia» estão no limiar de perder o seu significado independente. O mesmo se aplica, ainda em maior escala, à ligação entre jogo e música.

 

Theoder W. Adorno:

     A maior crítica que pode ser levantada à tese de Huizigna é a de que ele define a arte em termos das suas origens. No entanto, o seu enunciado é ao mesmo tempo verdadeiro e falso. Se o jogo é definido tão abstractamente como Huizinga o faz, não representa mais do que modos de comportamento que pouco ou nada se afastam de práticas de sobrivência. O que Huizinga não consegue ver é que o jogo na arte imita a realidade da vida mais que imita as aparências.

 

Johann Huizinga:

     O jogo está fora da razoabilidade da vida prática; não tem nada a ver com a necessidade ou utilidade. O mesmo se pode dizer da expressão musical. O jogo tem a sua validade fora das normas da razão, do dever e da verdade.

O jogo é um fenómeno natural que desde sempre tem guiado o Mundo, manifestando-se nas formas que a matéria pode assumir e no comportamento social dos seres humanos.

 

Eigen, M. e Winkler, R. (1989), O Jogo. As Leis naturais que regulam a acaso. Lisboa: Gradiva.

 

 

_________________ O JOGO não é só o que julgamos que é! ______________

 

sintimo-nos: completamente florescentes!
publicado por condeixabrincar às 13:26

link do post | comentar | favorito

Plano Anual de Acvtividades

Ù Outubro:

 

             ØPesquisa de bibliografia importante para o nosso trabalho de projecto;

           ØSelecção dos temas / conceitos a pesquisar.

 

Ù Novembro:

 

            ØInscrição no concurso “Cidades Criativas” e criação do nosso blogue;

            ØEstruturação do nosso blogue a nível informativo e estético;

            ØContacto com um professor de psicologia da Universidade de Coimbra;

            ØEscrita do artigo para o Jornal da Escola;

            ØInício da estruturação do portefólio de grupo;

            ØInício da realização do relatório de grupo correspondente ao 1.º período; 

            ØLeitura e análise de informação recolhida sobre o nosso tema. 

 

                                              

 

sintimo-nos: activas!
publicado por condeixabrincar às 12:52

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 30 de Novembro de 2007

Condeixa-a-Nova

 

 

 

 

                                                        

 

 

O mapa da nossa vila ...

 

 

sintimo-nos: geográficas!
publicado por condeixabrincar às 09:32

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 28 de Novembro de 2007

BI do grupo:

 

 

Joana Oliveira - 18 anos

Goreti Ramalho - 18 anos

Marisa Azevedo - 17 anos

Paula Álvarez - 18 anos

 

12.ºC

 

                                                                                                 

                         

sintimo-nos: com ideias para avançar
publicado por condeixabrincar às 12:41

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 27 de Novembro de 2007

Filme do CCC!

sintimo-nos: principiantes...mas empenhadas
publicado por condeixabrincar às 16:28

link do post | comentar | favorito

* links